SEGUNDO POST LOBATIANO

17 de junho de 2019 por keyimaguirejunior

Uma das primeiras postagens no Keynews (arquivos de fevereiro de 2013) foi em defesa de José Bento Monteiro Lobato. Em recente entrevista, perguntaram-me pelas leituras de infância. Resposta: primeiro, o Lobato; depois Viriato Correa (“Cazuza”), depois Francisco Marins. Esses os principais, aqueles de devorar a “Obra Completa” e reclamar que o autor escreveu pouco, mas evidente que não os únicos.

De vez em quando, acho uma “peça rara” da extensa obra do autor – mostro aí adiante algumas coisas. Não, não sou colecionador dessas preciosidades, valha-me São José Mindlin, mas quando acho, guardo: têm um sabor de época, um carinho editorial, a beleza de um tempo em que este era “o País do Futuro”…

E quando se fala em republicar seus livros, fico muito preocupado: como assim? É evidente que muita água passou pelo Caraminguá desde que foram escritos, mas tocar nesses textos é uma temeridade. O “politicamente correto” é um imbecilismo cultural que iria desfigurar a obra lobatiana, ela teria que ser reescrita. Mas também é clara a necessidade de alertar os leitores, que vivem uma época diferente, mesmo por se tratar de público infantil. Talvez uma advertência antes do texto? Duvido que funcione, como disse algum prefaciador realista, “ninguém lê prefácio”… Se o livro for recomendado por um(a) professor(a) competente, ele(ela…) trabalhará com os estudantes as questões polêmicas – e disso irá tirar partido com muito proveito. Não se faz assim com Machado, Guimarães Rosa e outros? Se não se faz, deveria…

A SEGUIR, ALGUNS ITENS LOBATIANOS DA BIBLIOTECA DO CANIL

DSCN2766

– MONUMENTAL “EDIÇÃO CENTENÁRIO” DA BRASILIENSE EM 1982

DSCN2764

– ACIMA, A EDIÇÃO QUE  ME ACOMPANHA DESDE A DÉCADA DE 1950, ILUSTRADA POR A.LEBLANC

DSCN2767

– VIAGEM AO CÉU (J.G.VILLIN), 1937

– O GARIMPEIRO DO RIO DAS GARÇAS ( WIESE), 1937

– A REFORMA DA NATUREZA (BELMONTE), 1941

– O CIRCO DE ESCAVALINHO (BELMONTE), S/DATA

DSCN2768.JPG

– MEMÓRIAS DA EMÍLIA (BELMONTE), 1939

– HISTÓRIAS DE TIA NASTACIA (R.DE LAMO), 1945

– O SACI (J.G.VILLIN), 1938

– O CENTAURINHO (E.HIRSH) s/data

ALGUMAS LEITURAS:

1 – AZEVEDO, Carmen Lucia; CAMARGOS, Marcia & SACCHETTA, Vladimir. Monteiro Lobato: furacão na Botocúndia. São Paulo, SENAC, 1997.

2 – CAVALHEIRO, Edgard. Monteiro Lobato, vida e obra. São Paulo,     Cia.Editora Nacional, 1956. 2 volumes.

3 – CHIARELLI,  Tadeu. Um jeca nos vernissages.  São Paulo, EDUSP, 1995.

4 – LOBATO, Monteiro. Sacy Perêrê: resultado de um inquérito. Rio de Janeiro, Gráfica JB, 1998. Edição Fac-similar.

 

 

 

 

 

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: