INCÊNDIO DO BELVEDERE

7 de dezembro de 2017 por keyimaguirejunior

EM LOUVOR DO POLITICAMENTE INCORRETO

(Indignação na manhã de 07/12/2017 após o incêndio criminoso do Belvedere da Praça João Cândido)

DSCN1061

(A Curitiba do passado…)

Era uma vez uma pequena cidade

com nada de mais: simples, aprazível, discreta

como sua gente.

Os prazeres da vida eram assim:

passear ou ir ao cinema

na saída, comer um sanduba de vina

ou um sonho com nata

e ia-se paquerar na Rua XV.

À noite ia-se à casa dos amigos tomar sopa

e nas muitas manhãs de geada

ao Belvedere ver os gramados brancos de gelo

a Serra do Mar lá longe e as araucárias

madrinhas da cidade, por toda parte.

Crianças jogavam bola e amarelinha nas ruas

diante dos quintais com flores e bichos.

Mas vieram os capitalistas e seus servos políticos

e viram que dava prá enriquecer com tudo isso.

Adensou-se e verticalizou-se bairros calmos

entupiram-se as ruas e os quintais de carros

os cinemas foram para os shoppings

cachorro quente virou hot-dog

a nata do sonho virou espuma plástica

paquera virou assédio e dá cadeia

e as ruas se tornaram domínio exclusivo

de maloqueiros, pixadores e drogados.

Do Belvedere não se vê mais a Serra do Mar

as araucárias viraram barracos nas favelas.

Mas não se pode negar que houve progresso

nas contas bancárias de empresários e políticos.

E a Vila de Nossa Senhora dos Pinhais de Curitiba

que era a tal pequena cidade

– simples, aprazível e discreta –

virou cinzas.

(… E A CURITIBA DO FUTURO.)

(Post sobre o Belvedere nos arquivos de janeiro de 2017)

 

 

 

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: