BIBLIOGRAFIA INCAICO-PERUANA

23 de março de 2014 por keyimaguirejunior

(Dedicada às pessoas que estão para ir aos incas – tipo Marechal Hermes e dna.Sonia – ; aos que já foram – tipo Key San, Cortiano e Elaine -; e aos que ainda, inevitavelmente, irão – tipo Renata e Raul. Aviso: CAI NA PROVA!)

Os incas fizeram o único verdadeiro império do continente americano, com uma admirável civilização. Palavras essas – império, civilização – complicadas, subentendem avanço cultural mas também muita barbárie. Então, minha admiração por eles e elas limita-se praticamente à produção artística/arquitetônica. Mesmo assim, sem pensar muito: faraós, reis, imperadores não fazem porra nenhuma, mandam fazer, e quem carrega pedra são os animais e os escravos. Toda construção – inclusive as modernas – é um documento de barbárie, certo, Walter?

Não sei se os incas estão entre os mais ferozes construtores de impérios. Sugestão para uma tese de História: criar uma escala Richter para os construtores de impérios… Mas, já que os fizeram, é forçoso reconhecer: o dos incas, foi espantoso. Como todos os impérios, começaram se sobrepondo às pré existentes culturas locais – elas mesmas importantes, e ficaram com a fama. Como outros impérios, inclusive o maior de todos, o romano. Essa clivagem de culturas andinas ainda é mal conhecida ou os livros ainda não chegaram onde eu soubesse… Machu Picchu é apenas a ponta do iceberg, e que iceberg!

      Então, há muito tempo leio tudo o que acho sobre os incas. São menos vistosos que os astecas, menos enrustidos que os maias – mas sua civilização tem um fascínio fenomenal. E, é claro, um fim trágico diante dos bacamartes do Chico Pizarro. Hernán Cortez, Raposo Tavares, Francisco Pizarro – diante desses heróis, Vlad o Empalador era um anjinho. Por isso amenizei esse post com capas de Carlos Hague que têm  nada-a-ver, para os livros de Sofocleto. Este é um humorista peruano que, segundo os Arquivos Inacreditáveis do João Bührer, influenciou até mesmo o Millôr Fernandes. Prá dar um arzinho de modernidade do Perú, uns cartuns do Carlin.

     ImagemImagem

01 – A América antiga, I e II. Madrid, Del Prado, 1997.

02 – Catálogo. 86 pinturas cuzquenhas. Olinda, FCCO, s/data.

03 – DESCOLA, Jean. A vida cotidiana no Perú no tempo dos espanhóis. Lisboa, Livros do Brasil, s/data.

04 – FRAMIS MAJÓ, R. Colonizadores y fundadores em Indias. Madrid, Aguilar, 1954.

05 – FROST, Peter. Exploring Cuzco. Lima, Nuevas Imágenes, 1989.

06 – GIORDANI, Mario Curtis. História da América pré-colombiana. Petrópolis, Vozes, 1991.

07 – KAUFFMANN-DOIG, Federico. Sexual behaviour in ancient Peru. Lima, Kompaktos, 1979.

08 – KELEMEN, Pal. Baroque and rococo in Latin America. New York, MacMillan, 1951.

09 – KUBLER, George & SORIA, Martin. Art and architecture in Spain and Portugal and their American dominions 1500/1800. Baltimore, Penguim, 1969.

10 – LAVALLE, José Antonio. Arequipa. Rio de Janeiro, Spala, 1988.

11 – LEVENE, Ricardo (org). História das Américas, III: América espanhola. Porto Alegre, Jackson, 1947.

12 – LLOSA, Mario Vargas. Dicionário amoroso da América Latina. Rio de Janeiro, Ediouro, 2006.

13 – McINTYRE, Loren. The incredible incas and their timeless land. USA, National Geographic Society, 1975.

14 – MOSCOSO, Luís Mejia. Cuzco y Machu Picchu; guia fotografica. Sem dados.

15 – NERUDA, Pablo (poemas) & GASPARI, Gaziano (fotos). Alturas de Macchu Picchu. (sic) Buenos Aires, Losada, 1977.

DSC02147

16 – MONEGAL, Emir Rodrigues. Noticias secretas y publicas de América. Barcelona, Tusquets, 1984.

17 – PRESCOTT, Guillermo. História de La conquista Del Perú. Buenos Aires, Imán. 1943.

18 – SALAZAR, Fernando & Edgar. Cuzco y el Vale Sagrado de los Incas. Lima, Ausonia, 2006.

19 – SANGINES, Carlos Ponce. El templete semisubterraneo de Tiwanaku. La Paz, Amigos Del Libro, 1969.

20 – SOFOCLETO. El angulo agudo. Lima, Arica, s/data.

21 – SOFOCLETO. El vírus matrimonial. Lima, Arica, 1975.

22 – SORIANO, Waldemar Espinoza. Los incas, economia, sociedad y estado. Peru, Amaru, 1990.

23 – SOUSTELLE, FAVRE & GENDROP. As civilizações pré-colombianas. Rio de Janeiro, Zahar, 1987.

24 – STUART, George. Discovering man’s past in the Americas. Washington, National Geographic Society, 1973.

25 – TOVAR SAMANEZ, Carlos. El carlin del hortelano. Lima, QW, 2010.

26 – VON HAGEN, Victor. El império de los incas. México, Diana, 1981.

27 – VON HAGEN, Victor. A Estrada do Sol. São Paulo, Melhoramentos, s/data.

28 – WAISBARD, Simone. Machu Picchu, a cidade perdida dos incas. São Paulo, Hemus, 1974.

29 – ZARATE, R. El Cuzco y SUS monumentos. Lima, Sanmarti, 1921.

30 – MCCARTHY, Carolyn et allii. Perú. São Paulo, Globo, 2013.

ImagemImagem

A foto prá manter o Perú limpo só poderia ser do Key San Imaguire, certo?!

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: